Quem sou eu

Padrão

Pedagoga pela Universidade Federal da Bahia. Menina mulher da pele preta e interessada em assuntos cotidianos que abordem racismo, preconceito, homofobia, política, entretenimento, sexualidade, cinema, música, culinária, história, literatura. Gosto de tudo que tenha cor, sentido e efeito, apesar de ter algumas evidências insossas que também tem me atraído. Vai entender!

Sobre o Escrevivência…

Com a popularização dos blogs como meio de comunicação independente, resolvi gerar o Escrevivência em 17 de março de 2011. Na verdade tive a ideia de criar um blog em 2010, mas não sabia, de fato, o que queria socializar. Este não é um blog acadêmico, apesar da sua criação ter sido um dos requisitos que visam atender o processo de avaliação da disciplina que tive na faculdade, Educação e Tecnologias Contemporâneas. (Nossa quanto academicismo!)

Calma, não se assustem, aqui não serão socializados artigos científicos, textos de retórica acadêmica. Fiquem tranquilos. No Escrevivencia, encontrará de tudo. Aqui terá minhas publicações que falarão de assuntos diversos – música, mulher, política, cultura, futebol, charges, enfim, terão de acompanhá-los para saber. Terá também livros, imagens, filmes. Tudo que me cerca, me impressiona, me atrai e muito do que me seduz. Gosto de falar de tudo um pouco, abrindo as devidas ressalvas.

Escrevivência nada mais é do que um espaço de socialização de assuntos do cotidiano, visto sob um olhar crítico e epistemológico. A hermenêuitca aqui presente será validada por apreciadores do blog.

Sejam todas bem vindas!

Anúncios

Uma resposta

  1. Gostei muito do seu blog Paula. É realmente muito interessante. Parabéns